Educação Financeira para Bolsa de Valores

Cada vez mais o tema ‘Educação Financeira’ está inserido no nosso cotidiano, seja para aprender a organizar e fazer um simples orçamento mensal, como também para se educar em níveis mais elevados, como aprender a investir no mercado de ações.

Uma das iniciativas mais recentes de implementação da educação financeira na vida das pessoas está se dando na inclusão da temática na grade curricular das crianças em escolas de ensino fundamental.

Atrelado ao crescimento de escolas que já inserem a educação financeira na sua grade curricular – ao trabalhar em suas matérias problemas matemáticos em reais (R$) e não mais em laranjas ou ‘palitinhos’, além de ajudar a formar os princípios e valores das crianças, inserem a educação financeira no cotidiano desses “empreendedores mirins” – está o aumento de pessoas que procuram cursos e especializações voltadas para o mercado financeiro.

Com o interesse de gerir suas finanças pessoais, as pessoas procuram desde aprender a fazer um simples orçamento mensal, como também, como potencializar sua receita, ao procurar cursos voltados à aplicação do dinheiro em renda variável.

Com a desmistificação de que a Bolsa de Valores é voltada somente para investidores de grande porte e de que é necessária uma alta quantia para se começar a investir, tem aumentado expressivamente o número de pessoas que aplicam na Bovespa, e consequentemente os interessados em se instruir sobre o assunto.

O mercado de organizações especializadas em ‘Educação Financeira’ também segue a tendência de crescimento e já existem várias empresas que oferecem um serviço de qualidade e que, para o investidor que está conhecendo o mercado de ações, vale muito à pena investir!

Vinicius Baccili

Article Source

Sobre o autor: Quer obter mais informações sobre o mercado financeiro? Acesse www.ensinainvest.com/blog


Deixe o seu comentário!

Artigos Relacionados com a categoria "Informação"

Fechar
E-mail It