O que é a Bolsa de Valores?

A Bolsa dos valores mobiliários é um mercado, que pode ser regulamentado ou não, cuja actividade é supervisionada e regulada em Portugal pela Comissão do Mercado de Valores Mobiliários. Trata-se é um mercado onde se confrontam, por meio de um sistema informático central, compradores e vendedores de uma larga gama de valores mobiliários e instrumentos financeiros derivados: acções, obrigações, produtos derivados, etc.

Euronext Lisboa é a bolsa de valores de Lisboa, pertence ao grupo Euronext. Anteriormente era conhecida como Bolsa de Valores de Lisboa e Porto.

Mas afinal para que serve a bolsa de valores?

Serve para promover e manter o crescimento económico de um país, é indispensável existirem fundos disponíveis para financiar a formação e a reposição do capital.

A emissão de valores mobiliários é uma das formas que as empresas e os organismos públicos têm para obter os fundos de que necessitam para a sua actividade através da emissão de títulos.

Por seu turno, os aforradores encontram na compra de valores mobiliários uma forma de remuneração dos recursos que têm disponíveis. Os valores mobiliários que aliam a uma adequada rentabilidade uma elevada liquidez são particularmente atractivos.

A principal função das bolsas de valores consiste precisamente em oferecer às entidades emitentes (entidades/ empresas que emitem valores mobiliários e pedem a sua admissão à cotação) e aos aforradores a possibilidade de conciliarem os seus interesses, de forma segura e transparente, conferindo uma acrescida liquidez aos valores mobiliários nelas transaccionados.

Qualquer investidor que pretenda negociar em bolsa pode escolher entre vários tipos de valores mobiliários, com diferentes graus de risco, liquidez e rentabilidade, emitidos por entidades, públicas ou privadas, que confiram aos seus titulares direitos idênticos e legalmente susceptíveis de negociação num mercado organizado.

Com efeito, são negociáveis em bolsa acções, obrigações, títulos de participação, unidades de participação, warrants, valores mobiliários obrigatoriamente convertíveis, futuros, entre outros.

Cada país tem as suas instituições com missão de supervisionar e regular os mercados de bolsa e a actividade de todos os agentes que neles actuam. Em Portugal a CMVM (Comissão do Mercado de Valores Mobiliários) tem os seguintes objectivos:

  • A protecção dos investidores;
  • A eficiência e a regularidade de funcionamento dos mercados;
  • O controlo da informação;
  • A prevenção de riscos;
  • A prevenção e a repressão de actuações ilegais.

Article Source

Sobre o autor: escreva aqui algo sobre si - aparece no final do artigo (pode incluir 2 links)


Artigos Relacionados com a categoria "Informação"

Fechar
E-mail It